Blog > Identidade Visual > Conheça 7 princípios essenciais no design

Conheça 7 princípios essenciais no design

14/03/2019
Conheça 7 princípios essenciais no design

Trabalhar com design não é tão simples como parece. É preciso estudar bastante e entender muito sobre comportamento humano, para transmitir a mensagem certa através das cores, elementos e fontes. É por isso que os estudiosos da área criaram alguns princípios para guiar o trabalho que os profissionais fazem. Quer conhecer sete princípios essenciais do design e descobrir como nós os aplicamos aqui na Social Up? Confira!

1 - Equilíbrio/Balanço


Como em tudo na vida, o equilíbrio é um princípio essencial nos trabalhos de design. Essa característica é importante em todos os layouts para que os elementos fiquem equilibrados na disposição entre si, sem que um acabe tirando a importância do outro e todos tenham significado na peça. A dica é sempre tomar cuidado para que os elementos tenham o mesmo “peso visual”.

Postagem Costela no Roletchê
Postagem desenvolvida para o restaurante Costela no Roletchê, onde é possível notar que todos os elementos têm o mesmo peso visual e a informação é efetiva.

2 - Contraste


No design, o contraste é estabelecido através das diferenças de tamanhos, cores e tipos de elementos. Esse contraste é importante para gerar maior atenção de quem visualiza a peça, tirando a “monotonia” e direcionando o olhar, indicando por onde se deve começar a ler.

Postagem
Card produzido para divulgação do produto do nosso cliente

3 - Hierarquia


A hierarquia é o princípio que define o nível de importância que cada informação da peça tem, geralmente sendo dividida em três níveis: mais importante, médio e menos importante. Um cartaz que está divulgando um evento, por exemplo, vai dar maior destaque para o nome do evento e para a data, enquanto as informações como local e horário são secundários e serão vistos depois que o leitor se interessar pelo principal. Por último, ainda podem ter informações adicionais como patrocinadores ou contato.

Postagem Vale do Sulício
Card produzido para a divulgação do evento Health Tech, do nosso cliente Vale do Sulício.

4 - Harmonia


A unidade dos elementos é notada até mesmo por quem não entende nada de design e é exatamente isso que a harmonia faz pelas peças. Para isso, é preciso garantir que os elementos têm ligação entre si, além de ter relação com a identidade visual da marca. É possível gerar a harmonia através da repetição de ícones, cores semelhantes ou itens com algum similaridade. Assim, o cérebro do usuário fará associações que vão permitir maior lembrança do que foi visto.

Postagem Peso 3
Card para o cliente Peso 3, onde pode-se notar a harmonia entre os elementos.

5 - Ênfase


Para passar a mensagem de forma mais efetiva, pode-se usar o princípio da ênfase, que é basicamente definir qual será o ponto central da peça. Esse ponto será o item que mais vai chamar a atenção de quem visualizar o layout, chamando para a visualização do restante dos itens. Esse elemento pode se destacar pela cor, tamanho ou hierarquia.

Postagem Corpo Shop
Card do nosso cliente Corpo Shop, onde o ponto central era o produto em si.

6 - Proporção


A proporção é o princípio que vai definir o tamanho e/ou escala de um elemento em relação ao outro, em qualquer tipo de peça. Por exemplo: se houver uma garrafa e uma pessoa no mesmo layout, é preciso que eles tenham tamanhos proporcionais aos da vida real. Com exceção de casos em que a ideia é fazer algo diferente, a proporção deixa os layouts mais reais, trazendo maior identificação para quem os vê.

7 - Movimento


Em uma era onde os vídeos e gifs têm ganhado cada vez mais atenção do público, o movimento é um princípio superimportante! Em peças digitais as possibilidades são infinitas e devem ser exploradas. Já no caso das artes estáticas, como peças gráficas, esse movimento pode ser trazido através de formas, linhas e ilusões de ótica.

Postagem Peso 3
Card desenvolvido para o cliente Peso 3, onde o movimento se dá através da brincadeira entre as formas e as imagens.

Deu para perceber que para ser designer é preciso ter conhecimento de diversos pontos, não é mesmo? Um simples card pode ser bem mais trabalhoso do que você imagina. Se você quer garantir uma identidade visual com princípios bem definidos para a sua marca, conte com a Social Up. Até a próxima!

Deixe seu comentário

Apenas seu nome e comentário ficará público, seu e-mail não será publicado.